Os 8 alimentos proibidos aos gatos
Cuidados básicos

Os 8 alimentos proibidos aos gatos

Voltar atrás
Dar de comer aos gatos a nossa comida é um costume que já não faz sentido. Os alimentos comerciais cumprem com todas as suas necessidades nutricionais, facilitando-nos a vida. Ainda assim, há situações que escapam do nosso controlo, como quando o nosso gato come algum ingrediente que caiu ao chão ou até mesmo quando nos sentimos tentados a partilhar a nossa comida com ele. Há que ter presente que existem alimentos proibidos para gatos. Estes podem provocar intoxicações, intolerâncias e deficiências nutricionais, que poderão pôr em perigo a sua saúde.

Alimentos proibidos aos gatos 

Os gatos conseguem chegar a lugares inimagináveis graças à sua agilidade. Por este motivo, controlar tudo o que apanham para comer, nem sempre é uma tarefa fácil. Aqui tens uma lista de alimentos proibidos aos gatos:

  1. Chocolate. A teobromina é um composto presente no chocolate e que é bastante tóxico para os animais. Ao comê-lo acontecem alterações no organismo que provocam: náuseas, taquicardia, vómitos, diarreia, convulsões e tremores. 
  2. Leite de vaca. Dizer que os gatos gostam de leite, até pode ser verdade, mas isso não significa que este lhes seja benéfico. Os gatos adultos deixam naturalmente de produzir “lactase”, a enzima encarregada de sintetizar a lactose. Vómitos, diarreias e desidratação podem ser sinais de intoxicação láctea nos felinos. 
  3. Alho e cebola. Estes ingredientes possuem como substância o enxofre, que também existe nos seus alimentos primos, o alho francês e o cebolinho. Isso torna-os tóxicos para os gatos. Os sintomas mais comuns de uma intoxicação com estes alimentos são as mucosas pálidas, sangue na urina, taquicardia, respiração acelerada, diarreia e vómitos. 
  4. Uvas e passas. Existe um componente nas uvas que produz danos ao nível dos rins, anorexia, dor abdominal e diarreias, nos nossos gatos. 
  5. Ossos e espinhas. Ainda que os nossos gatos adorem, os ossos e as espinhas mais quebradiços poderão provocar úlceras e perfurações no aparelho digestivo. 
  6. Álcool. Quem se lembraria de dar álcool a um gato? Possivelmente ninguém, mas ainda assim avisamos que as bebidas alcoólicas são muito perigosas!  Estas produzem alterações neurológicas, problemas com a coordenação e orientação, mudanças respiratórias, problemas com o fígado e inclusivamente pode levar ao coma. 
  7. Abacate. A persina, naturalmente presente nesta fruta e que também é encontrada nos ossos e na pele, pode provocar uma intoxicação com os seguintes sintomas: vómitos, diarreias, letargia e anorexia 
  8. Comida para cães. Ainda que não seja tóxica, temos de ter em conta que as necessidades nutricionais entre estes animais são diferentes. Por este motivo, os nossos amigos de quatro patas requerem dietas distintas. De facto, as ração que se dá aos cães carece de vários ingredientes nutritivos que serão importantes para os gatos. 

Como se diz, é melhor prevenir do que curar. Mantém o teu gato longe destes alimentos proibidos. Lembra-te que uma alimentação de qualidade, equilibrada e saudável é sempre a melhor escolha para uma vida equilibrada.  

E claro, se achas que o teu gato ingeriu algum destes alimentos, não hesites em levá-lo ao veterinário! 

Os 8 alimentos proibidos aos gatos
Compartilhar no